Câmara de Seia associa-se a empresa local na produção de máscaras de protecção

A Câmara Municipal de Seia vai associar-se a uma empresa de confecções, com sede no concelho, para produção de máscaras de protecção reutilizáveis «para utilização em contexto extra-hospitalar».

A empresa «está prestes a iniciar a produção de máscaras reutilizáveis para utilização em contexto extra-hospitalar» e a autarquia de Seia já decidiu «adquirir o primeiro lote de produção para sectores de actividade que requerem um elevado grau de higienização», lê-se num comunicado enviado à imprensa.

«A iniciativa visa suprir as necessidades em matéria de equipamentos de protecção individual, ainda mais essenciais num momento em que vivemos um problema de saúde pública sem precedentes», justifica a autarquia presidida por Carlos Filipe Camelo.

Segundo a nota, em reunião realizada na sexta-feira com os promotores, o município de Seia «ficou a conhecer o protótipo versátil e de baixo custo, composto por um elemento descartável, que actua como agente absorvente e filtrante, desenvolvido com sucesso pela empresa após um intenso período de testes».

A fonte refere ainda que os promotores, que «solicitaram, para já, o anonimato, disponibilizam o molde e estão a estabelecer uma rede de revenda não especulativa para fazer chegar o produto a todos quantos desejam».

%d bloggers like this: