Seia aconselha funerais limitados a 10 acompanhantes

Funerais limitados a 10 pessoas e só com os familiares mais próximos

Funerais limitados a 10 pessoas e só com os familiares mais próximos

O município de Seia, anunciou hoje que, no âmbito das medidas decretadas para o estado de emergência em vigor, decidiu que os funerais a realizar no concelho estão limitados a 10 acompanhantes.

Em comunicado divulgado no site do Município, é referido que «será implementado um conjunto de medidas extraordinárias, temporárias e de salvaguarda, devendo haver a maior compreensão e colaboração entre os todos os intervenientes».

Nas medidas estabelecidas, a autarquia quer que seja garantida a protecção da saúde pública, dos trabalhadores envolvidos, e simultaneamente controlar os factores de disseminação da doença e contágio, sendo adoptadas todas as medidas que assegurem as regras definidas pela Direção Geral da Saúde. Pede ainda que sejam registados os nomes e contactos dos presentes, «por forma a permitir um fácil e rápido contacto pelas autoridades de saúde, num possível foco de contágio epidemiológico».

«Fica proibida a aglomeração de pessoas, devendo ser garantido o distanciamento social, garantindo o distanciamento mínimo entre pessoas de dois metros e a permanência no local pelo tempo estritamente necessário. É fixado o limite máximo de presenças em 10 pessoas, devendo ser os familiares mais próximos, excluindo os trabalhadores da agência funerária e do Município, que deverão ser no número mínimo e estritamente necessário, para a realização dos procedimentos habituais», refere a fonte.

O Edital do Município refere ainda que durante o funeral a urna deverá manter-se fechada e recomenda que as pessoas dos grupos mais vulneráveis «não participem nos funerais», pedindo aos familiares e agentes funerários para que «cumpram integralmente as instruções recebidas pelos trabalhadores do Município».

%d bloggers like this: