Seia prolonga situação de alerta até 18 de Maio

Concelho regista 11 casos de infecção e uma morte.

A Câmara de Seia renovou a situação de alerta até ao dia 18 de Maio e admite vir a prorrogar esta medida de âmbito municipal, foi hoje anunciado.

Declarado pela primeira vez a 27 de Março e posteriormente renovado até 30 de Abril, e «não obstante a situação epidemiológica no concelho de Seia se encontrar no momento estável, contabilizando-se actualmente onze casos no concelho de Seia, a prorrogação do estado de alerta é justificado pela forte possibilidade de um agravamento de número de doentes pelo vírus SARS-CoV2, considerando as medidas de desconfinamento determinadas pelo Governo para as próximas semanas, com o objectivo de realizar uma retoma gradual da normalidade possível», afirma, em comunicado, o Município de Seia.

Segundo o despacho de Carlos Filipe Camelo, que preside à Comissão Municipal de Proteção Civil de Seia, «sendo previsível que a progressiva abertura das medidas de confinamento originem um aumento do contágio e logo do número de doentes, esta situação irá colocar sobre pressão os serviços de saúde, com eventuais consequências graves em termos de risco para a vida dos doentes com esta patologia, caso venha a ser esgotada a capacidade de resposta dos mesmos», alerta.

No documento encontram-se definidas as orientações relativamente ao modo de atuação dos vários organismos, serviços e estruturas a empenhar em operações de proteção civil, com o intuito de organizar, orientar, facilitar, agilizar e uniformizar as acções necessárias à resposta.

A declaração da situação de alerta tem a abrangência territorial correspondente ao concelho de Seia e produz efeitos desde as 00h00 do dia 30 de Abril, sendo válida até às 23h59 do dia 18 de Maio, sem prejuízo de prorrogação na medida do que a evolução da situação concreta o justificar.

%d bloggers like this: