Oliveira do Hospital desconta 50% na factura da água entre Março e Maio

A Câmara de Oliveira do Hospital vai cobrar apenas metade do valor das facturas da água dos últimos três meses aos munícipes com tarifário doméstico, anunciou a autarquia.

«Este desconto, que aparecerá reflectido nas próximas três facturas emitidas aos clientes domésticos, visa contribuir para aliviar o esforço financeiro e perdas de rendimentos das famílias no contexto da pandemia» da Covid-19, afirma em comunicado a Câmara Municipal, presidida por José Carlos Alexandrino.

Por outro lado, no mesmo período, «como forma de ajudar as empresas no actual contexto social e económico, os chamados clientes de tarifário não doméstico (comércio, indústria e serviços, por exemplo) vão ficar isentos (…) do pagamento das tarifas fixas» da factura da água e saneamento básico.

Aprovada por unanimidade na reunião de ontem do executivo, a medida «representa um investimento de cerca de 150 mil euros», adianta.

Citado na nota, José Carlos Alexandrino realça que «estes descontos na factura da água estão em sintonia com as recomendações da Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR), uma vez que não põem em causa a sustentabilidade do sistema».

«Relativamente a facturas em atraso, a Câmara Municipal permite o pagamento em prestações e sem juros, tendo suspendido as execuções fiscais e os cortes de fornecimento até 30 de Setembro», indicando que estão ao mesmo tempo em vigor «os tarifários especiais para famílias carenciadas e numerosas, assim como o tarifário para a coesão».

Sublinhando que a Câmara Municipal tem vindo a realizar grandes investimentos, nas mais diversas áreas, para minimizar os impactos negativos da pandemia da Covid-19, José Carlos Alexandrino, refere que «esta é mais uma importante medida de solidariedade para com as famílias e as empresas do nosso concelho».

%d bloggers like this: